Um guia completo para numerologia bíblica

A Bíblia está cheia de simbolismo e significados que não são facilmente compreendidos. Mas o que nós, cristãos, precisamos saber é que nem uma única coisa na Bíblia é feita aleatoriamente. Assim como Deus fez a humanidade, não há acidentes na maneira como Ele cria. Quando as Escrituras foram criadas, as narrativas, as palavras e as histórias foram todas feitas por design, e uma das muitas coisas que podemos encontrar no livro são os números.

Os números são usados ​​na Bíblia para descrever histórias, para definir significados e símbolos, e para nos fornecer uma base para nosso entendimento Dele. Ao conhecer e compreender verdadeiramente o significado por trás dos números, podemos ver a verdadeira beleza e amor de Deus por Seu povo.



Numerologia Bíblica

A numerologia bíblica é definida por significados numéricos ocultos na palavra de Deus por meio do uso de números. Na verdade, os números têm significados e simbolismos bíblicos de longa data, como são vistos em toda a Bíblia.



Por exemplo, o número 3 representa a verdadeira natureza de Deus, que é o Pai, o Filho e o Espírito Santo. As primeiras igrejas cristãs também reconheceram que a Bíblia tinha quatro camadas de interpretação, que chamaram de Quadriga . A Quadriga consiste no seguinte:

1. Literal
2. Alegórico ou Simbólico
3. Moral
4. Anagógico ou Místico



De acordo com a igreja primitiva, as histórias e narrativas da Bíblia devem ser interpretadas usando esses quatro conceitos, e que cada comando ou história presente na Bíblia apresenta essas quatro camadas de significados.

Uma escritura pode ser interpretada literalmente, mas também pode ser entendida com seu significado simbólico, suas representações morais e seu simbolismo místico.

Os padrões dos números

Pesquisadores revelaram que padrões de números são encontrados na Bíblia. Diz-se que essas conexões existem não por acidente, mas por desígnio e que cada uma tem um simbolismo específico anexado a elas por Deus.



hino eu vou voar para longe

A descoberta de tais padrões revela que uma força maior está por trás da criação da Bíblia, e não apenas o próprio homem. Esses padrões mostram a prova de que Deus inspirou cada palavra e história do livro, que proclama Sua Palavra, Sua vontade e Seus planos para o homem.

Ao compreender os números, a humanidade pode receber uma maior consciência da vida cristã, bem como da perfeição da criação de Deus.

Os significados e simbolismos dos números mais comuns na Bíblia

Número 1: Unidade de um Deus

1 Timóteo 2: 5 diz-nos: Pois há um só Deus e um só mediador entre Deus e os homens, e esse é Cristo Jesus.

O número 1 simboliza nosso único Deus verdadeiro e que não deveria haver outro Deus antes Dele. O número nos diz para adorar apenas a Deus, e ninguém e nada mais. Não os deuses da terra, não os deuses da sociedade, e certamente não para tratar outros humanos como se eles próprios fossem deuses. A humanidade deve servir e adorar apenas um Deus, que é o nosso Criador e ninguém e nada mais.

Número 2: União de Duas Almas

O número dois simboliza a união de duas almas e o apoio de outro ser humano. No Efésios 5:31 , diz, Por esta razão, o homem deixará seu pai e sua mãe e se unirá à sua esposa, e os dois se tornarão uma só carne. O número 2 simboliza dois indivíduos que se unem para formar um só no casamento, entre um homem e uma mulher, que serve de base para a família.

Ele também fala sobre a humanidade e como fazer as coisas por conta própria pode ser melhorado com a ajuda de outra pessoa. No Eclesiastes 4: 9 , diz, Dois são melhores do que um porque eles têm uma boa recompensa por seu trabalho árduo.

O número 2 também simboliza a natureza dual do homem. O número 2 representa o bem e o mal presentes na humanidade e o fato de que esses dois andam de mãos dadas.

No Gálatas 6: 8 , diz, Quem semeia para agradar à sua carne, da carne ceifará a destruição; quem semeia para agradar ao Espírito, do Espírito colherá a vida eterna.

Este versículo nos diz que há dois caminhos que a humanidade segue. É o caminho para a destruição quando tornamos os desejos da carne o mais importante em nossas vidas; e também fala sobre como viver sua vida de acordo com o Senhor pode levá-lo à vida eterna.

Muitas vezes, vemos pessoas que são conhecidas por serem boas agirem com mau comportamento, e muitas vezes ficamos surpresos com essa explosão. Outras vezes, vemos as pessoas como más, mas também nos surpreendem fazendo boas ações.

O número e o versículo nos dizem que há sempre dois lados para cada pessoa, o bom e o mau, mas o versículo também nos diz que quando escolhemos agir do nosso lado ruim, isso leva à destruição; e se escolhermos seguir a Palavra de Deus, ela nos levará à vida eterna.

Número 3: Totalidade

O número 3 na Bíblia representa a Santíssima Trindade de Deus, que é o Pai, o Filho e o Espírito Santo. Também representa a Perfeição Divina, visto que muitas coisas no mundo são compostas de três partes, que incluem Tempo , com o passado, presente e futuro; espaço , que consiste em altura, largura e profundidade; e por fim, matéria , que consiste em sólido, líquido e gás.

Outras formas de perfeição divina incluem a humanidade, tendo mente, corpo e espírito; as três habilidades da humanidade sendo pensamento, palavras e ação; os três lugares onde os homens habitam, que são o céu, a terra e o inferno; e os três dons da graça, que são fé, esperança e amor, entre muitas outras menções na Bíblia que existem em 3's.

as plantas de aranha são seguras para gatos

Número 4: Totalidade

O número 4 é revelado em Apocalipse 7: 1 , quais Estados, Depois disso eu vi 4 anjos parados nos 4 cantos da terra, segurando os quatro ventos da terra, que o vento não sopra na terra, nem no mar, nem em nenhuma árvore.

Em termos da igreja católica, o altar consiste em quatro cantos, quatro pilares e outras características em 4's. Também se relaciona com a totalidade de muitos aspectos da terra, como as direções norte, sul, leste e oeste; e quatro estações em um ano, sendo primavera, verão, outono e inverno.

Número 6: Natureza Caída do Homem

O número 6 é popularmente representado na combinação de número 666, que é o número da besta do mar, também conhecido como o número de Satanás. Também representa a humanidade, pois o homem foi criado no 6º dia da criação de Deus no livro de Gênesis.

O número 6 pode simbolizar a imperfeição e o mal.

Número 7: Total Perfecton

Enquanto o número 6 simboliza a natureza decaída do homem e do diabo, o número 7, por outro lado, representa a perfeição total em Deus. Também descreve a conclusão, quando Deus completou a criação da Terra em 7 dias. Existem também 7 dias da semana, e no livro de Apocalipse, existem 7 igrejas, 7 taças, 7 selos, trombetas, 7 coisas, 7 espíritos, 7 estrelas e 7 candeeiros. O número da combinação de 777 diz-se que representa Jesus Cristo.

Também fala sobre o ato de perdoar, como quando Pedro perguntou a Deus quantas vezes ele deveria perdoar. Deus respondeu a ele 70 vezes 7 vezes, o que significa que o perdão não deve ser limitado e deve ser feito sempre.

Número 8: renascimento

Diz-se que o número 8 representa o renascimento. Isso porque Jesus morreu no 6º dia, descansou no túmulo no 7º dia e ressuscitou dos mortos no 8º dia. Se você somar o nome de Jesus, seu valor numérico é 888 . Na história da Arca de Noé, também houve 8 sobreviventes, o que significa a ressurreição do desastre.

Quando você vê o número 8 após um desgosto, uma perda ou qualquer tragédia em sua vida, pode ser a maneira de Deus lhe dizer que a ressurreição está prestes a acontecer, que você pode superar a farsa e que você deve se lembrar da ressurreição de Deus de os mortos depois de terem sido sacrificados pelo Pai para se arrepender de seus pecados.

Número 10: integridade

O número 10 descreve a conclusão na Bíblia. Isso é perfeitamente visto nos Dez Mandamentos, nos 10 reinos que permanecerão no fim dos tempos, bem como nos 10 chifres da besta do mar.

Quando Deus projetou o homem, ele também lhe deu 10 dedos das mãos e dos pés para significar que Seu trabalho foi feito na criação do corpo físico do homem.

Número 12: o governo de Deus

No livro do Apocalipse, diz no capítulo 21, versículo 12: Ele tinha um grande e alto muro com 12 portas, e com 12 anjos nas portas, na porta estavam escritos os nomes das 12 tribos de Israel.

O número 12 também representa os 12 apóstolos de Jesus, que Ele reuniu para falar ao mundo sobre a natureza divina inerente da humanidade, também conhecida como o Cristo em todos nós.

Essas 12 naturezas divinas são:

Peter - Faith
John - amor
Andrew - Força
Philip - Power
James - Julgamento
Bartolomeu - imaginação
Thomas - Compreendendo
Matthew - Will
James - Ordem
Simão - Zelo
Judas - Vida
Thaddeus - Renúncia

Número 30: Chamada de uma pessoa

O número 30 é mencionado na Bíblia para representar o chamado de uma pessoa. O próprio Jesus começou seu ministério aos 30 anos; João Batista também começou sua missão nesta idade, assim como José e o Rei Davi, que tinham 30 anos quando se tornaram governantes.

O número também representa o sacrifício, pois foram 30 moedas que tentaram Judas a vender Jesus, resultando no maior sacrifício que o mundo já viu e terá.

Também fala sobre luto e tristeza, pois é o período de tempo associado ao luto pelas mortes de Aarão e Moisés.

Número 40: testes

O número 40 representa muitas provações na Bíblia. Em Gênesis 7:12, diz: E a chuva caiu sobre a terra 40 dias e 40 noites. Este fala sobre o grande dilúvio e a história da Arca de Noé, onde choveu por 40 dias e exterminou todas as criaturas vivas da Terra, exceto Noé, sua família e os animais a bordo do navio.

Na história de Moisés, Deus puniu os israelitas por 40 anos para vagarem pelo deserto. Na história de Jesus, Ele foi testado no deserto por 40 dias e 40 noites. Na história de Golias, ele desafiou os israelitas por 40 dias antes de ser morto por Davi.

Número 50: Celebração

O número 5 representa festa ou celebração, em Levítico 23: 15-16 , diz, A festa de Pentecostes era celebrada no 50º dia após a Páscoa. Além disso, Levítico 25:10 diz, E você deve consagrar o 50º ano e proclamar a liberdade em toda a terra e todos os seus habitantes. Será um jubileu para você.

1 corinthians 13 48

Número 153: Abundância das Bênçãos de Deus

No João 21:11 , fala sobre a abundância das bênçãos de Deus. No versículo da Bíblia, diz: Então Simão Pedro subiu de volta no barco e arrastou a rede para a praia. Estava cheio de peixes grandes, 153, mas mesmo com tantos a rede não se rasgou.

Em uma época de seca, Deus foi capaz de fornecer à humanidade 153 peixes, que eram tão grandes que transbordavam no barco. Isso pode representar o excesso de bênçãos de Deus.

Outra instância onde o número 153 pode ser encontrado é a totalidade para o número de pessoas que Cristo abençoou no Novo Testamento. No total, Cristo abençoou um total de 153 em 48 incidentes separados.

Conclusão

A Bíblia é nosso guia sobre como devemos viver nossas vidas aqui na Terra para que possamos ter a vida eterna quando deixarmos o mundo físico. Embora as histórias, palavras e escrituras nos tragam esperança, fé, força e orientação, também estão repletas de simbolismo que nos permite sentir o amor de Deus por nós com a menção de meros números.

Quanto mais entendemos do que se trata esses números, melhor nos sentimos conectados ao Seu amor e aos Seus planos para nossas vidas aqui na terra. Os números não representam meramente significados matemáticos, mas carregam consigo mensagens e a revelação da obra de Deus.

Artigos Interessantes